Rede Primeiro Minuto
Domingo, 19 de Setembro de 2021
21°

Poucas nuvens

Campina Grande - PB

Paraíba CAMPINA GRANDE

Presidente da AMDE visita Secretaria Executiva de Desestatização de SP e vê chance de Campina Grande replicar projetos

O encontro teve como objetivo conhecer o funcionamento da Pasta, bem como sua carteira de projetos voltados para o município e para a população.

04/09/2021 às 10h34 Atualizada em 06/09/2021 às 18h28
Por: Da Redação
Compartilhe:
Foto: Codecom/CG
Foto: Codecom/CG

Em viagem institucional a São Paulo, a presidente da Agência Municipal de Desenvolvimento (AMDE), Alana Carvalho, participou de uma reunião com a secretária executiva de Desestatização e Parcerias, da Secretaria de Governo da Prefeitura de São Paulo, Tarcila Peres Santos e sua equipe técnica. O encontro teve como objetivo conhecer o funcionamento da Pasta, bem como sua carteira de projetos voltados para o município e para a população.

“Fizemos essa provocação, enquanto representante da gestão do prefeito Bruno Cunha Lima, para que pudéssemos conhecer outros modelos de gestão, que estão dando certo e proporcionando um melhor funcionamento da máquina pública”, justificou Alana Carvalho.

De acordo com Alana, em termos de contratos pactuados, assinados e de estruturação de gestão de projetos, principalmente PPP’s e concessões, a Secretaria de Desestatização de SP é uma das maiores e melhores do país. “Trata-se de um ente governamental que mais tem projetos em execução no país, inclusive, mais do que o próprio Governo Federal. Estamos conhecendo como tudo funciona e a viabilidade de replicar alguns projetos em nosso município”, ponderou Alana Carvalho.

Para dar início a esses projetos em Campina Grande, o prefeito Bruno Cunha Lima deliberou à sua equipe jurídica que reestruture a natureza jurídica da AMDE, bem como vincular a ela o Comitê Gestor de Parcerias Público-Privadas e Concessões. Para isso, um Projeto de Lei foi encaminhado ao legislativo campinense, para votação em caráter de urgência.

“Esse será um passo decisivo para a implantação de parcerias público-privadas em nosso município, de forma menos burocrática e com maior eficiência. Esta será uma forma de atrair novos investimentos e, consequentemente, desenvolvimento em infraestrutura e serviços de qualidade para os campinenses”, destacou alana.

Fonte: Codecom/CG

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias