Domingo, 23 de Junho de 2024
19°C 24°C
Campina Grande, PB
Publicidade

Maior São João do Mundo: Festival de Quadrilhas Juninas – Etapa Campinense abrilhanta a Pirâmide do Parque do Povo

“Na minha quadrilha só tem gente que brilha, só tem gente que brilha na minha quadrilha”! O trecho da música de Alcymar Monteiro representa o clima do primeiro dia do Festival de Quadrilhas Juninas – Etapa Campinense, que aconteceu na noite desta segunda-feira, 10, n’ O Maior São João do Mundo. O Festival, promovido pela […]

11/06/2024 às 09h37 Atualizada em 13/06/2024 às 14h50
Por: Da Redação Fonte: Codecom
Compartilhe:
Foto: Codecom
Foto: Codecom

“Na minha quadrilha só tem gente que brilha, só tem gente que brilha na minha quadrilha”! O trecho da música de Alcymar Monteiro representa o clima do primeiro dia do Festival de Quadrilhas Juninas – Etapa Campinense, que aconteceu na noite desta segunda-feira, 10, n’ O Maior São João do Mundo.

O Festival, promovido pela Associação de Quadrilhas Juninas de Campina Grande (Asquaju/CG), tem o apoio da Prefeitura de Campina Grande, através da Secretaria de Cultura (Secult), que este ano realizou o maior aporte financeiro pelo município para as juninas, no valor de R$ 300 mil, mantendo o compromisso da gestão municipal com o fomento e a tradição cultural na Rainha da Borborema.

O público presente assistiu a verdadeiros espetáculos, marcados por cores, brilhos, figurinos impecáveis, além de cenografias arrojadas, que contaram diversas histórias dentro do coração do Parque do Povo, a Pirâmide.

As quadrilhas “Arraiá do 40”, “Escurrega mai num cai”, “Rojão do Forró”, “Filhos de Campina”, “Moleka 100 Vergonha” e “Arraial em Paris” fizeram lindas apresentações com 30 minutos de duração cada, sendo avaliadas por seis jurados, que analisaram os seguintes critérios: entrada, figurino, marcador, coreografia, animação, conjunto, repertório, casamento e saída.

A banca de jurados da noite foi composta pela atriz e arte-educadora Joana Marques; o professor-historiador e ativista cultural Jandir Souto; o ator, coreógrafo e arte-educador Márcio Bacellar; o bailarino e ator Rodrigo Paes; a professora e bailarina Giseli Sampaio; o professor e ativista cultural Marinaldo Lira; e a coreógrafa, bailarina e professora Roberta Soares.

“A avaliação é baseada em normas e quesitos que estão estabelecidas no regulamento. São vários critérios artísticos que se relacionam entre si e que dão o contexto geral para as notas. Estar participando do Festival de Quadrilhas Etapa Campinense, dentro d’O Maior São João do Mundo, é uma honra. A Pirâmide do Parque do Povo é icônica, é mágica. Maravilhoso estar aqui hoje”, comentou Jandir Souto.

O marcador e fundador da junina “Arraiá do 40”, Rodrigo Lima, falou sobre a alegria da quadrilha estar competindo pela primeira vez no Festival.

Com o tema, “Na estrada da fé, o destino é ser feliz”, Rodrigo destacou que o enredo se entrelaça com a história da junina, no sentido de homenagear a tradição das quadrilhas.

“Estamos lisonjeados de participar não só d’O Maior São João do Mundo, mas do Maior Festival de Quadrilhas do Mundo. A nossa junina, juntamente com o nosso tema, remonta a tradição das quadrilhas das escolas, o “alavantur” e o “anarriê”. Trabalhamos com crianças e adolescentes, para incentivá-lós na preservação da nossa cultura”, salientou.

Até o dia do Festival, são meses de preparação para participar da competição, com ensaios, criação do enredo, dos figurinos e montagens de alegorias, como explicou Carla Rocha, a noiva da “Arraial em Paris”.

“Este ano estamos retratando a violência contra a mulher, com o tema “Vozes do Silêncio”. É um tema atual, importante, que precisa ser discutido e hoje a Arraial em Paris está dando voz a essas mulheres que sofrem violência doméstica, que são vítimas do feminicídio. Eu estou representando Ciça, que é vítima desse tipo de violência. Nas cores, trouxemos predominantemente o lilás, que representa o Agosto Lilás, mês que aborda a defesa das mulheres contra a violência”, explanou Carla.

Nesta terça-feira, 11, o Festival de Quadrilhas Juninas – Etapa Campinense continua. Se apresentam na Pirâmide do Parque do Povo mais cinco juninas, são elas: “Flor de Lampião”, “Expressão Junina”, “Baião D2”, “Mistura Gostosa” e “Cestinha de Flores”.

Após essas etapas de classificação, as três ganhadoras seguem para competir na etapa estadual, que acontece em João Pessoa.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Campina Grande, PB
19°
Neblina

Mín. 19° Máx. 24°

20° Sensação
3.09km/h Vento
100% Umidade
100% (9.15mm) Chance de chuva
05h34 Nascer do sol
05h16 Pôr do sol
Seg 26° 18°
Ter 26° 18°
Qua 25° 18°
Qui 26° 17°
Sex 26° 16°
Atualizado às 07h02
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,81 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,13%
Bitcoin
R$ 370,033,90 +0,62%
Ibovespa
121,341,13 pts 0.74%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias