Rede Primeiro Minuto
Sábado, 17 de Abril de 2021 11:47
83 98170-6053
Política Campina Grande

Waldeny Santana destaca postura de Bruno de dialogar com a sociedade antes de editar decreto

O vereador esteve presente na reunião convocada pelo prefeito, neste sábado, com lideranças religiosas e representantes do setor produtivo de Campina Grande.

27/02/2021 20h31 Atualizada há 2 meses
Por: Da Redação Fonte: Assessoria
Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

O vereador Waldeny Santana (Democratas) esteve presente a uma reunião convocada pelo prefeito Bruno Cunha Lima neste sábado, 27, com lideranças religiosas e representantes de entidades do segmento produtivo de Campina Grande.

Na pauta, o atual estágio da pandemia e a necessidade de implementar ações de reforço sanitário preventivas.

Em virtude da política de enfrentamento da pandemia adotada pela prefeitura desde a gestão do prefeito Romero Rodrigues, Campina Grande encontra-se em condição mais amenas que a maioria dos municípios da Paraíba, tanto que, classificada na bandeira amarela pelo Governo do Estado, não foi alcançada pelas restrições mais severas estabelecidas, de modo impositivo, pelo governador João Azevedo.

Nesse sentido, inclusive, Waldeny destacou a diferença da postura do prefeito Bruno Cunha Lima, que chamou instituições do setor produtivo, como CDL, Associação Comercial, Secovi, Sinduscon e SindiCampina, assim como representantes da igreja católica e das igrejas evangélicas, para dialogar antes de expedir decreto com novas determinações restritivas.

“É na prática, principalmente, que a gente vê a diferença da conduta dos gestores. Não se admite mais meras imposições, aquilo que tenho chamado de espírito de autoritarismo, porque quem produz, quem paga imposto, o cidadão merece respeito. A atitude do prefeito Bruno mostra como um gestor deve agir”, disse Waldeny que, na Câmara, tem feito uma defesa firme do respeito aos setores produtivos.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias