Brusque e Jacuipense chegam às semifinais e garantem acesso à Série C


Em 22/07/2019

 



Foto: DivulgaçãoBrusque, de Santa Catarina (região Sul), e Jucuipense, da Bahia (Nordeste), confirmaram as duas últimas vagas nas semifinais do Campeonato Brasileiro da Série D, neste domingo, quando venceram em casa.

 

Eles se juntam a Ituano, de São Paulo (Sudeste), e Manaus, do Amazonas (Norte), e todos eles já garantiram o acesso para a Série C em 2020. As semifinais também estão definidas.

 

EQUILÍBRIO ENTRE SEMIFINALISTAS


Ao término das quartas de final, três clubes ficaram com 26 pontos: Brusque, Manaus e Jucuipense, mas o Brusque levou vantagem no saldo de gols em cima do Manaus (17 a 15) terminando em primeiro lugar.

 

O time baiano tem saldo de 11 gols e fica em terceiro lugar, seguido pelo Ituano, em quarto, com 24 pontos somados em todas as fases.

 

Como o regulamento prevê os confrontos são os seguintes: Brusque (1.º) x Ituano (4.º) e Manaus (2.º) x Jucuipense (3.º). Nesta fase também serão jogos de ida e volta, com os times de melhor campanha – Brusque e Manaus – tendo a vantagem de decidir em casa, no segundo jogo.

Vale a pontuação e depois o saldo de gols nos dois jogos para definir os finalistas. O gol fora continua fora do critério de desempate. As datas e locais dos jogos devem ser definidos pela CBF na segunda-feira.

 

AS VITÓRIAS 


Em Riachão do Jacuípe (BA), o time da casa fez 1 a 0 sobre o Floresta-CE, com gol de Eudair aos 27 minutos do segundo tempo. Na ida, em Fortaleza, houve o empate por 2 a 2. Quem vencesse ficaria com a vaga.

 

Bem mais tranquilo foi a classificação do Brusque, no estádio Augusto Bauer. O time catarinense goleou o Juazeirense por 4 a 0, com gols de Junior Pirambu, de pênalti e de cabeça, no primeiro tempo, e completado na etapa final por Fio e Thiago Alagoano. No jogo de ida, o Brusque tinha perdido por 1 a 0 e terminou com três gols no placar agregado.

 

VAGAS PELO AGREGADO


No sábado, o Manaus eliminou o Caxias ao vencer por 3 a 0 na Arena da Amazônia, com apoio de mais de 44 mil torcedores, recorde na competição. Na ida, o Manaus tinha perdido por 1 a 0, ficando com dois gols no placar agregado.

 

O Ituano eliminou o Itabaiana, mesmo perdendo por 1 a 0, em Sergipe, porque tinha vencido em casa por 3 a 1, chegando à semifinal pelo placar agregado de 3 a 2.

 

FONTE: FUTEBOL INTERIOR



Rede Primeiro Minuto
©2019 - Todos os direitos reservados