Globo “esconde” patrocínios da Libertadores em jogo do São Paulo e gera polêmica; entenda


Em 07/02/2019

 



Em diversos momentos da partida, a Globo evitou exibir os patrocinadores principais da Libertadores – Bridgestone, Qatar Airways Gatorade, Amstel e Santander. Para preencher o espaço destinado às marcas no placar oficial da transmissão, por exemplo, a emissora mostrou frases institucionais da Conmebol. Isso gerou um impasse e quase a estreia do São Paulo ficou fora da grade, como noticiou a "Folha de S.Paulo".

 

A Conmebol é detentora dos direitos de imagem da Libertadores e negociou tanto com o Grupo Globo quanto com o FOX Sports para a TV. Outras partidas, por exemplo, serão exibidas exclusivamente via Facebook.

 

“A Globo respeita e cumpre todos os seus contratos – com o mercado publicitário, com os clientes e com os detentores dos conteúdos de quem compramos os direitos, sejam eles exclusivos ou não”, informou a emissora carioca por meio de uma nota divulgada à imprensa.

Além de o canal aberto esconder os patrocinadores oficiais da Conmebol, ainda exibiu os próprios no “Show do Intervalo”, como as Casas Bahia.

 

FOX Sports e SporTV, que pertence ao grupo Globo, seguem como canais oficiais da Libertadores. A TV Globo tem direito a exibir uma partida por semana, seja na terça ou na quarta-feira, além da final (nesta edição, será um jogo único disputado em Santiago, no Chile).

 

FONTE: TORCEDORES.COM

FOTO: CRÉDITO/TV GLOBO



Rede Primeiro Minuto
©2019 - Todos os direitos reservados