Para o jogo, o Galo teve um desfalque importante de última hora. Com suspeita de Coronavírus, o zagueiro e capitão Breno Calixto ficou de fora. Foi o primeiro jogo que o defensor desfalcou a equipe na temporada. O jogador foi testado com resultado positivo antes da peleja. Na contraprova, o resultado foi negativo. Como ele está com sintomas gripais, acabou sendo preservado do embate.

 

Com a bola rolando, o jogo era muito amarrado e a primeira chance do Treze veio aos 26 minutos, quando Douglas Lima cobrou falta por baixo da barreira, tentando surpreender o goleiro baiano, mas a bola passou a direita da trave.

Aos 24, foi a vez do América-RN ter um gol anulado. Após cobrança de falta da esquerda, houve desvio na primeira trave e Edimar marcou no rebote, mas o mesmo auxiliar que não validou o gol rubro-negro marcou impedimento no lance.

 

Douglas Lima voltou a aparecer aos 35 minutos, quando pegou a bola na esquerda e bateu cruzado de canhota, levando muito perigo a meta do Jacuipense.

 

Na primeira etapa, o alvinegro arriscava de fora da área sempre que chegava na intermediária adversária, trabalhando pouco a bola e deixando Gilvan quase sem função na partida.

 

Segundo tempo

 

Continuando a chutar de qualquer maneira, em uma jogada organizada, aos 11 minutos, por pouco o Treze não abre o placar. Bruno Mota cruzou da esquerda e a bola encontrou Gustavo na segunda trave. O camisa 7 bateu de direita, o goleiro defendeu no reflexo e, na sobra, Gilvan finalizou por cima da trave.

 

Três minutos mais tarde, Léo Pereira tentou bater de longe. A bola encontrou Gustavo no meio do caminho, que virou e bateu de canhota, fazendo perigo para o gol da equipe baiana.

 

O time baiano poderia ter ficado a frente do placar aos 15 minutos, quando Léo Pereira atropelou Mauri na grande área, mas a árbitra do jogo ignorou o pênalti e mandou o jogo seguir.

 

Aos 22 minutos, o Jacuipense chegou pela direita e Ranieli subiu livre na área do Galo, mas a bola foi por cima do gol de Andrey.

 

O Leão do Sisal era melhor em campo e aos 25, Thiaguinho invadiu a área pela direita e bateu cruzado, obrigando o goleiro trezeano a espalmar para o meio da área, mas Alisson Cassiano tocou a bola para escanteio, afastando o perigo.

 

Bruno Mota assustou Jordan aos 36 minutos após limpar dois defensores e bater de esquerda da meia-lua da grande área. O goleiro do Jacuipense espalmou com a mão esquerda, mandando a bola pela linha de fundo.

 

Com o empate por 0 a 0, o Treze chegou ao terceiro ponto, mas segue sem vencer na Série C, na nona colocação da chave. O próximo jogo do Galo será no sábado (26), fora de casa, com o Vila Nova-GO. O Jacuipense fica com 9 pontos e chega a quarta posição da tabela. Na oitava rodada o Leão do Sisal vai visitar o Santa Cruz, na segunda-feira (28).

 

Ficha técnica

Treze 0 x 0 Jacuipense-BA

Campeonato Brasileiro da Série C 2020
Grupo A – 7ª rodada
Estádio: Amigão (Campina Grande)

 

Arbitragem: Thayslane de Melo Costa (SE); Rodrigo Guimarães Pereira (SE) e Wendel Augusto Lino (SE).

Gols:


Cartões amarelos: Douglas Lima, Léo Pereira, Thiaguinho (T); Mauri, Kanu, Jonilson Veloso (treinador), Dinei (J)

 

Treze: Andrey, Léo Pereira, Ítalo, Alisson Cassiano, Nilson Júnior; Bruno Menezes, Vinícius Barba, Gustavo (Matheus), Alexandre Santana (Bruno Mota); Douglas Lima (Caxito) e Gilvan (Frontini). Técnico: Moacir Júnior.

 

Jacuipense-BA: Jordan, Lucas, Railon, Kanu, Radar (Vicente); Raniele, Flávio, Rafael Bastos (Levi), Danilo Rios (Thiaguinho); Mauri (Eudair) e Dinei (Elias). Técnico: Jonilson Veloso.

 

FONTE: VOZ DA TORCIDA